Notícias >> Sustentabilidade

Baixo custo, durabilidade e facilidade na manutenção são atrativos da cerâmica

13 de nov de 2012 | Por: Seu Lar Aqui

Antes, o uso da cerâmica era restrito às áreas molhadas como banheiro, cozinha e piso. Hoje, os revestimentos cerâmicos avançaram para as salas, dormitórios e escritório. Podem virar um painel na sala, cabeceira de cama, revestimento de paredes da lareira e da chaminé, ressalta Paula Pannunzio. Ela comenta sobre a diferença de bitola (dimensão dos revestimentos e pisos): atualmente são encontrados em tamanhos variados e cada vez maiores, conforme a estampagem do piso ou revestimento. Em termos de revestimento era muito usado no tamanho 15 x 15 e 20 x 20. "Aqueles que a gente via na casa da vó", brinca ela.

Agora, levando em conta a padronagem, têm 1,20 metro x 0,60 m, mas podem chegar a 1,20m x 0,80 e 1,23m x 0,60. A diversidade de estampas no mercado também é comentada. São imitações de pedras, cerâmicas com estampas de madeiras, com aspecto de mármore, granito e até as serigrafadas (fotos, frases, logotipos, etc.). Para uma pessoa leiga fica difícil perceber que se trata de cerâmica tamanha a perfeição, ressalta ela. As conhecidas canjiquinhas e as pastilhas retornaram em maior variedade. Eram bastante usadas na década de 70 e voltaram à moda, ressalta.

Quanto ao acabamento pode ser liso, brilhante e o rústico, que parece não polido e dá até a impressão de ser antiderrapante, explica a arquiteta. A cerâmica mais rústica normalmente é utilizada em bordas de piscinas. Em regiões litorâneas a cerâmica é bastante usada por ser resistente a corrosão e à penetração de água. "Porém é frágil se cair no chão".

Pouca manutenção

A aplicação e até a substituição de revestimentos de fachadas de edificações por materiais cerâmicos não tem sido novidade, mas chama a atenção. O baixo custo, a durabilidade e a facilidade na manutenção são os principais atrativos, atribui Paula. "Os revestimentos são auto-sustentáveis e se auto-mantêm, comparados às áreas com tratamento de tintas e vernizes." A utilização da cerâmica em paredes externas e fachadas de edifícios não é novidade justamente por exigir o mínimo de manutenção, revela. Além disso, os revestimentos cerâmicos têm resistência mecânica e resistência à corrosão e intempéries (chuvas, etc). Os decks antes em madeira podem ser de produtos cerâmicos, de forma a tornar sua manutenção mais barata.

Sustentabilidade

Para a profissional, a opção por material cerâmico, de certa forma, não deixa de ser uma solução ecológica. A cerâmica é tida como material alternativo em relação a utilização de recursos naturais como a madeira, exemplifica. A aplicação da cerâmica vermelha é um exemplo sustentável, sendo apresentadas pesquisas pela Associação Nacional dos Fabricantes da Indústria Cerâmica (Anicer). Seu uso é definido como Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL).

Paula Pannunzio afirma que a cerâmica vermelha, em determinadas situações, causa menos impacto que materiais como cimento e aço. Tudo que que se vê e se pensa deve estar relacionado ao desenvolvimento sustentável. No caso da construção civil e arquitetura, devido à atividade urbana é responsável por muitos impactos ambientais, logo, a preocupação é maior, justifica. A arquiteta calcula que numa obra ocorra perda de pelo menos 25%, e esse material deve ter um destino. E a reciclagem trouxe à moda os antigos pisos em mosaico, por exemplo, formados por cacos cerâmicos, revela.

A fabricação dos revestimentos cerâmicos inteligentes também é objeto de estudos. Além de revestir, esse material exerce outras funções como ventilar, reaproveitamento e implantação de células fotovoltaicas na geração de energia solar.

Jornal Cruzeiro do Sul

  • Imprimir

Notícias relacionadas

Como decidir entre comprar imóvel à vista ou financiado

Ainda que já tenham sido bem mais altos, os juros no Brasil ainda p... Leia mais >


Custo da construção civil fica 0,84% mais caro em abril, diz FGV

O brasileiro gastou 0,84% a mais para construir em abril, segundo... Leia mais >


Medição de água individualizada reduz em cerca de 5% valor do condomínio

O hidrômetro de medição de água de seu condomínio é individualizado... Leia mais >


Fachada “suspensa” é um dos atrativos do Concetto, lançamento da VCG Empreendimentos

Uma fachada que se projeta para fora do alinhamento do prédio em ci... Leia mais >


Novo conceito de moradia, com pé-direito de 5 metros e 40cm pode ser visto,em Curitiba

Hoje em dia, com o aquecimento do mercado, os consumidores querem r... Leia mais >